ESTUDOS BÍBLICOS MATÉRIAS POEMAS
 

        

Jesus está voltando, mas o homem não percebe
 nem se redime ao Senhor

     Estamos vendo momentos árduos na vida de muitas pessoas que tiveram seus familiares horrivelmente assassinados. Cada dia, nós percebemos uma história, uma situação diferente ou similar; o homem no mundo está perdendo constantemente seus entes queridos em mortes de todos os tipos.
     Notamos que os crimes são bárbaros, monstruosos, cujo indivíduo simplesmente dá lugar ao Diabo, a fim de fazer a vontade deste; logo, realizada a monstruosidade, aquele tem diferentes finais, tais como: vai à cadeia; suicida-se; vive uma vida de foragido tranquilamente; vive uma vida de foragido atormentando e perturbado; é morto por alguém.
     Mas, o que está acontecendo nos tempos atuais? O homicídio, a pedofilia, o estupro, o roubo, a violência física e verbal não estão sendo mais tão anormais, pelo que parece quanto às pessoas que não estão aos pés de Cristo.
     Diante dessas horrendas situações, podemos perceber que muitas pessoas, mesmo vendo tais coisas, elas não aceitam o Emanuel. Conclui-se que, hoje em dia, almas estão vendo a destruição, estão sofrendo; mas quando alguém fala a elas para
‘aceitarem a Jesus Cristo’, infelizmente, há as que não aceitam. Até há casos de pessoas que, ao se depararem com servos de Deus as evangelizando, mudam de comportamento, ficam grossas, ignorantes e agressivas. Mas por que isso? Para que as Escrituras sejam cumpridas.
     Nem todos os homens querem obedecer a Jesus, mas quando há alguma coisa terrível que aconteceu, aí se dividem entre Deus ou deuses; lembrando que até mesmo os que interrogam-nO, dizendo:
“Por que Senhor, Tu permitiste isso”?
     Além disso, há vários tipos de crentes atualmente: os que obedecem a Deus sinceramente; os que apenas querem servir por servir, pois em seus interiores nem pensam e temem ao Senhor-estes estão com os seus corações distantes do Pai; os que falam para obedecer, todavia às escondidas são piores que as pessoas que não são etc; entretanto, diante desse fato, há uma sublime justificativa nas palavras de Jesus na
Parábola do Semeador’ do livro de Mateus, capítulo 13.1-23.
     É inevitável não sentir e presenciar a tristeza de muitíssimas pessoas que estão sofrendo com males terríveis e diabólicos, causados pela antiga serpente chamada Satanás, que causa e procura, diligentemente, a ruína e destruição de seu irmão. Entretanto, vê claramente que muitos não aceitam a Cristo mesmo em meio a essas lutas, ou aceitam-nO, todavia por causa de algumas lutas, deixam-nO.
     Homens e mulheres, seja qual for a idade, o país que vivem, os momentos difíceis que já passaram, o mais importante é que creiamos nessas palavras: “Jesus está voltando, Jesus está voltando”! Paremos de pensar que Ele não está vendo a nossa ingratidão, hipocrisia, falsidade, mentira, corrupções; aqueles pecadinhos que praticamos às escondidas, nosso pensar; enfim, lembremos que Ele está em todo tempo nos olhando, contemplando a maldade e bondade do nosso interior.
     Não tenhamos dúvida que Ele está voltando, apenas demos uma observada cautelosa nos momentos causais que estão ocorrendo no mundo. Cito aqui uma: Jesus não disse acerca dos terremotos (
Mateus 24.7)? Já houve terremotos no mundo? Ou Jesus mentiu sobre isso? NÃO! O mundo já teve isso e virão coisas além destas; a Palavra do Senhor não volta, nunca voltará vazia (Isaías 55.11).
     Ainda há tempo para aceitar a Jesus! Ainda há tempo para se redimir, viver, comer, beber, amar seus irmãos, perdoá-los, ajudá-los, amparar os necessitados; enfim, você não está vivo? Há tempo para recomeçar uma vida florescente e brilhante ao lado de Deus! Não será mil maravilhas, terá espinhos, lutas pesadas; mas
CREIA, você não passará sozinho, o Todo-Poderoso vai passar com você; depois, certamente, Ele te fará enxergar que tudo tem um porquê, em toda a perseguição e prova há em sua finalização, uma bênção linda e importantíssima ao seu pequeno ser!

Deus os abençoe poderosamente!




Alexsandra Lopes de Almeida.

 

 

                                                                                                                                                                

alexsandra.almeida@ipda.com.br

 

 

os textos descritos nesse espaço são de responsabilidades de seus respectivos criadores
Envie sua matéria, poema ou estudo para o email: "alexsandra.almeida@ipda.com.br"